Apropriação Indébita Contra o Idoso


  Denuncie



O Disque-Denúncia Pernambuco está oferecendo até R$300 para quem denunciar casos de apropriação indébita previdenciária contra idosos. De acordo com estudo publicado no fim de 2013 pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), entre 1992 e 2012, a população de idosos acima de 60 anos passou de 11,4 milhões para 24,8 milhões, um crescimento de 117%.

Somente neste ano, o Disque-Denúncia Pernambuco recebeu mais de 1.000 informações sobre casos de violência contra idosos. As denúncias vão desde maus-tratos, abandono, até violência física e psicológica. "Procuramos estimular que as pessoas abram os olhos para um tipo de crime que passa muitas vezes despercebido pela dificuldade de identificação. A apropriação indébita da aposentadoria deve ser combatida", explica a superintendente do Disque-Denúncia Pernambuco, Carmela Galindo.

O maior problema na identificação dos casos que envolvem os idosos ainda é a forte ligação desse tipo de crime com o ambiente familiar. Quase 90% dos casos ocorrem dentro da residência. Em 45% das denúncias recebidas pelo serviço, os filhos são os suspeitos. Fato que acaba inibindo muitos dos idosos de denunciar. "Mas é preciso vencer esse medo. Mesmo sendo da própria família, o idoso deve buscar ajuda. Os vizinhos também podem ser um importante instrumento nessa luta", afirma Galindo.

Quem tiver informações sobre casos pode telefonar para 3421-9595, na Região Metropolitana do Recife e Zona da Mata Norte, ou (81) 3719-4545, no interior do Estado. Também é possível repassar informações através do site da central www.disquedenunciape.com.br, que permite o envio de fotos e vídeos. O serviço funciona durante 24h, todos os dias da semana. O anonimato é garantido.



  Centrais
Verifique abaixo os telefones do Disque-Denúncia pelo Brasil.
  Pernambuco
  (81) 3421-9595 - Recife
  (81) 3719-4545 - Interior/Agreste
  Bahia
  (71) 3235.0000
  Maranhão
  (98) 3223.5800
  Rio de Janeiro
  (21) 2253.1177